quarta-feira, 29 de maio de 2013

Relato de Campanha Capítulo 7: Espadas flamejantes

- Quem ousa invadir os domínios de Omsinredom Sop? Vocês não sabem que sou o senhor deste século? - a voz sinistra e gorgolejante vem do fundo do salão e causa arrepios e temor nos invasores. - Seu Deus é uma mentira e ainda que ele exista, não vos poderá ajudar aqui. Estes são os MEUS domínios, aqui EU sou soberano. - continua a provocar a voz oculta na escuridão.

De repente todos menos Davi e Siqueira ficam assustados. Algumas armaduras vazias que estavam espalhadas pela grande sala de pedra começam a mover-se em direção ao grupo. 

- PREPAREM-SE! - grita Antígona

- O que está acontecendo? - pergunta Davi

Então Davi e Siqueira vem o jovem soldado Bruce com suas duas espadas golpeando desesperadamente o ar. 

- AS ARMADURAS ESTÃO ATACANDO! - grita alguém no meio da confusão.

No momento em que uma das armaduras levanta sua espada para atacar Léo este se defende com o braço que segura a Lampada da Palavra e a armadura imediatamente desaparece sem lhe causar mal algum e reaparece em seu lugar de origem. 

- PAREM NÃO HÁ ATAQUE NENHUM! - gritam Siqueira e Davi quase ao mesmo tempo. - AS ARMADURAS CONTINUAM NO LUGAR EM QUE ESTAVAM DESDE QUE ENTRAMOS! - continua Davi.

Debora então percebe e alerta os demais:

- É UM ATAQUE MENTAL. UMA ILUSÃO!

Então uma luz alaranjada ilumina a sala, das trevas surge o dono da voz gutural, Omsinredom Sop, uma criatura com aspecto de dragão, com duas asas de couro negro como as de um morcego, trajando uma armadura negra, em suas mãos a fonte da luz alaranjada, duas espadas flamejantes que cruzam o ar em direção ao caçador. 

Léo tenta se esquivar do golpe, e consegue esquivar-se de uma das espadas, mas a outra lhe atinge de raspão o flanco esquerdo. Mateus não perde tempo com sua besta e crava uma flecha no ombro direito do dragonete. 

A espada flamejante risca o ar novamente num faixo de luz, porém sem atingir seu alvo. Embora não sem nenhuma definição estratégica prévia, os heróis conseguem colocar o vilão no centro de um circulo. Agora é a vez de Gamaliel, o jovem defensor da fé aproveitando-se de sua posição privilegiada, desfere um golpe com sua maça que atinge uma das asas da criatura, quebrando-a.

A estratégia dos guerreiros de Deus dá certo, incapaz de se defender de todos os golpes vindos de direçoes diferentes, o vilão entra em desespero golpeando o ar sem contudo atingir ninguém, até que Gidean, a guerreira com um golpe de sua espada de duas mãos rasga a armadura e a carne de Omsinredom Sop que simplesmente desaparece deixando em seu lugar uma nevoa negra que logo se dissipa.

Um comentário:

  1. Pessoal, estou pensando em fazer um fórum de RPG bíblico pelo Forumeiros, que dá suporte a jogos de RPG.
    Estou focando no Velho Testamento, mas talvez até faça do novo também.
    Estou usando como base livros de RPG do RPGAnimeBrasil.
    Quem quiser ajudar responde o comentário e quem quiser jogar também.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, mas mantenha o respeito. A partir de 12/03/14 só serão aceitos comentários identificados, assuma seu ponto de vista, identifique-se. Comentários com palavrões e ofensas serão excluídos, todos os demais (mesmo que discorde do ponto de vista apresentado) serão publicados e na medida do possível respondidos.