sábado, 30 de abril de 2011

O Toque da Trombeta - parte 2(Aventura Cristã)

Saudações RPGistas Cristãos, segue a continuação da aventura como prometido.


No hotel
Ao chegarem no hotel encontram uma situação apavorante, muitos hóspedes e funcionários desapareceram e o restante das pessoas está perdida, sem saber o que fazer, as linhas telefônicas estão todas congestionadas, muitas emissoras de rádio e televisão estão fora do ar e nas que estão no ar a noticia é uma só, os desaparecimentos que ocorreram em todo o mundo.
Por todo lado vocês vêem pessoas chorando agarradas a montes de roupas espalhadas pelo hotel, alguns apartamentos foram saqueados e muitos hóspedes saíram sem pagar aproveitando-se do tumulto. Alguns funcionários do hotel foram agredidos ao tentar impedir que hóspedes fossem embora sem pagar, dois hóspedes se suicidaram em seus quartos.
A equipe do hotel está desfalcada pois dos 300 funcionários, 76 desapareceram, outros 45 abandonaram seus postos para verificar se seus parentes e conhecidos estavam bem, 30 deles entraram em pânico e estão totalmente fora de si, 14 se aproveitaram da situação para roubar valores e equipamentos do hotel e 2 se suicidaram.
A equipe de segurança do hotel está toda mobilizada para conter a situação mas também está desfalcada e por isso tendo dificuldades, dos 45 funcionários da equipe, 11 desapareceram, 2 foram embora, 1 esta de folga e 6 foram agredidos violentamente.

Sugestões de Ações 

  • Cada um vai buscar seus interesses e se despedem. (neste caso o narrador terá que improvisar um jeito de manter o grupo unido para continuar a aventura. Uma alternativa é informar que as forças armadas decretaram estado de emergência e toque de recolher e eles não poderão sair do hotel até o dia seguinte.) 
  • Todos resolvem se juntar para ajudar os funcionários do hotel a restabelecer a ordem no hotel e depois verificar o que houve. 
  • Cada um ou todos procuram um lugar para descansar e esperar as coisas se acalmarem.
Importante: as linhas de telefonia fixa e móvel estão inoperantes, não há maneira de os personagens se comunicarem por telefone com ninguém.

Se os personagens decidirem andar pelo hotel, jogue 1 D6 e descreva-lhes as situações abaixo de acordo com o número obtido.

1 = Um grupo de pessoas (uma a mais que o grupo de personagens) tenta saquear alguns quartos.
2 = Um homem desesperado com a perda da família ameaça suicidar-se com um revolver.
3 = Um quarto alagado devido a uma banheira transbordando.
4 = Princípio de incêndio causado por um secador de cabelos ligado sobre a cama.
5 = Quarto vazio.
6 = Um grupo de pessoas agride um funcionário do hotel.

Se os personagens forem:
  • Para fora do hotel: na parte de traz, encontrarão alguns animais soltos e o canil onde ficam os cães de guarda do hotel aberto.

    1. Os cães atacarão qualquer um que não estiver acompanhado do dono do hotel.
    2. Os animais atacarão qualquer um independente de quem seja.
  • Para os estacionamentos: encontrarão alguns carros batidos, 1 homem tentando roubar uma aero limo e 6 jovens saqueando os demais veículos. Entre os veículos batidos há um vazamento de combustível.
  • Para a recepção: aparentemente está deserta, mas quando os personagens passam pelos balcões encontram 2 funcionários inconscientes e a porta que leva aos escritórios atrás da recepção está aberta. Se os personagens decidirem entrar encontrarão 3 pessoas tentando arrombar os cofres e mais um funcionário aterrorizado sob a mira de uma arma.
  • Para o auditório: os personagens encontrarão provavelmente o maior número de pessoas desaparecidas, dos 2.000 lugares disponíveis no auditório, cerca de 1600 estão ocupadas por montes de roupas e objetos pessoais, como óculos, próteses dentárias, colares, anéis e em quase todas há também uma bíblia e uma apostila com o nome do congresso e dos preletores. Existem 5 lugares que ainda estão ocupados por pessoas, destas, 3 choram desesperadamente, uma mulher tem o olhar fixo em sua bíblia (se os personagens se aproximarem verão que a bíblia está aberta no primeiro capitulo de Apocalipse) e o outro ocupante do auditório está largado sobre a cadeira como se estivesse morto (se os personagens se aproximarem verão que na verdade aquele homem está dormindo).
No palco não há ninguém, alguns microfones e instrumentos musicais estão caídos sobre várias pilhas de roupas no chão. Nas laterais do palco dois banners gigantescos pendem do teto com os dizeres “IV Congresso Pentecostal Aviva Brasil” e “Jesus Cristo é o Senhor do Brasil.”, no telão, a proteção de tela do computador indica que há algum tempo a máquina está a espera de um comando que nunca aconteceu.
Se os personagens procurarem encontrarão as anotações dos preletores, cheias de referencias à bíblia e Jesus. Se mexerem no computador do palco a proteção de tela pedirá uma senha para desbloquear o conteúdo, se conseguirem decifrar ou quebrar a senha, poderão ver todo o material da apresentação.(clique aqui para baixar a apresentação)



Nas demais dependências do hotel tudo está sobre controle, apenas com um pequeno tumulto de pessoas querendo saber o que está acontecendo.

Se os personagens não cuidarem do vazamento de combustível no estacionamento, depois de alguns minutos todos ouvem a explosão e vêem a coluna de fumaça de onde quer que estejam.

Depois que os personagens se reúnem novamente notam no saguão do hotel um homem agarrado a varias bíblias, chorando e repetindo constantemente a frase “eu fiquei, eu fiquei”. Os personagens terão de acalmá-lo antes que ele possa falar outra coisa. – Faça testes mentais com todos os personagens para ver se alguém reconhece o homem – Ele é José Elias Porto, um famoso pregador de uma comunidade evangélica e com programa de TV no horário nobre.


Depois que o homem se acalma, consegue se apresentar para os personagens como José Elias Porto e explica que estava no hotel participando de um congresso sobre Escatologia. Começa a falar sobre Arrebatamento, anticristo, e tribulação. – Se algum personagem já passou pelo auditório vai reconhecer o assunto e o nome do homem, ele é um dos preletores (caso ninguém o tenha reconhecido antes). Ele foi deixado para trás pois embora dominasse o assunto estava ali mais pelo dinheiro que lhe seria pago do que pelo congresso em si, mas agora percebeu seu erro, ele não acreditava no que pregava.

Agora que já descobriram o que aconteceu, os personagens terão que decidir se aceitam a Cristo ou não. 

Esta aventura é na verdade um gancho para outras que podem ser localizadas em qualquer um dos 7 anos da tribulação. O grupo que eu estou mestrando por exemplo está agora em Nova York fugindo dos capangas do anticristo(mal sabem eles o que os espera).

Como fonte de informações a respeito do Arrebatamento e da Grande Tribulação recomendo a leitura do livro Estamos Vivendo os Últimos Dias?", de Tim LaHaye e Jerry B. Jenkins e os filmes Deixados para trás 1 e 2.

Espero que tenham gostado.
Que Deus abençoe a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, mas mantenha o respeito. A partir de 12/03/14 só serão aceitos comentários identificados, assuma seu ponto de vista, identifique-se. Comentários com palavrões e ofensas serão excluídos, todos os demais (mesmo que discorde do ponto de vista apresentado) serão publicados e na medida do possível respondidos.